DENISE LELLIS

DENISE LELLIS

A obesidade não é uma tendência inevitável. Eis o que podemos fazer de diferente.

A resposta está na infância! Olha que lindo o texto da diretora da @unicef Charlotte Petry Gornitzka publicado hoje no World Economic Fórum. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Ela não deixa dúvidas: toda a sociedade enfrenta os impactos de estilo de vida e alimentação não saudáveis. Portanto é do interesse de TODOS que esses números melhorem.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Mais uma vez, a resposta está no cuidado com a infância. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
“As necessidades das crianças devem estar no coração de nossos sistemas alimentares.” Disse Charlotte.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
O que poderia ajudar segundo a autora? ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🔹Rotulagem frontal obrigatória.
🔹Ações que protejam a criança da publicidade infantil.⠀⠀⠀⠀
🔹Incentivo a todos que produzem e disponibilizam alimentos saudáveis nos mercados.
🔹Integrar a prevenção da obesidade infantil como uma prioridade do governo, grupos empresariais, sociedade civil, setor educacional, famílias e indivíduos.


🔺Essa é uma missão para TODOS! E NÃO APENAS DOS PAIS! ⠀⠀
Pra finalizar ela destaca.


❗️“Vamos lembrar do que se trata. Fornecer a pais e filhos o apoio que precisam e merecem para acessar alimentos nutritivos, serem ativos e se desenvolverem de forma saudável.”❗️
⠀⠀
O futuro agradece.

Texto original: https://www.weforum.org/agenda/2020/01/obesity-crisis-how-we-can-help-children-to-eat-better/

COMPARTILHE:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on print